Estamos em conformidade com as normas LGPD e a resolução CFM/2299 – saiba mais

Pesquisar

Armazenamento em nuvem ou local: saiba qual usar na clínica

Descubra qual sistema — com armazenamento em nuvem ou local — pode proporcionar mais segurança, facilidade e economia para sua clínica.

O armazenamento eletrônico hoje é muito mais eficiente e seguro do que o físico.

Assim como o armazenamento em nuvem pode levar benefícios para sua clínica, o local também pode. Um deles é o espaço liberado durante o longo tempo de conservação que alguns documentos demandam. 

No entanto, algumas vantagens mais significativas são exclusivas do armazenamento em nuvem, como a segurança de backup diário com criptografia, por exemplo.

Se você não sabe qual escolher, este texto é para você. Aqui, vamos abordar as diferenças entre as duas formas de armazenamento eletrônico e te ajudar a definir qual pode ser mais vantajosa para a sua clínica.

Profissional da saúde acessando sistema com armazenamento em nuvem pelo celular.

O que é armazenamento local?

Este é o tipo de armazenamento que fica retido na memória local do seu computador. Ou seja, no disco rígido interno dele. Ou, em outros casos, em HDs externos quando não há espaço suficiente.

Pela proximidade com o hardware, há algumas vantagens retiradas dessa modalidade, como menor latência.

O que isso significa? Basicamente, que os dados trafegam mais facilmente dentro do sistema, otimizando o tempo de resposta dos arquivos.

Porém, é preciso que a capacidade de memória para manter todos os dados armazenados localmente seja compatível com as necessidades do estabelecimento, do contrário, a eficiência do sistema eletrônico adotado poderá ser afetada.

Portanto, a primeira pergunta a ser feita é: a frequência e as necessidades da minha clínica suportam dados apenas em sistema local?

O que é armazenamento em nuvem?

Armazenamento em nuvem pode parecer novidade e obra do futuro, mas não é.

Em 1961, John MacCharty citou, em um discurso, uma ideia avançada demais para aquele tempo: computação vendida como utilidade.

E, se isso te lembra Software as a Service (SaaS), não é mera coincidência.

Também nos anos 60, a JCR Licklider introduziu uma rede, sugerindo que o mundo estivesse conectado e acessasse dados e programas a qualquer momento e de qualquer local, através da internet. Era o início do conceito revolucionário de Cloud Computing.

Tudo isso para que, hoje, pudéssemos explorar os benefícios do armazenamento em nuvem. Ter em mente que a nuvem é um termo metafórico e não é a ponta final talvez seja a melhor forma de entender. Há, sim, um servidor físico como destino.

E esse servidor conta com softwares para manter os dados de forma flutuante na rede, na internet, mas de forma segura e cercada de privacidade.

A tecnologia de armazenamento em nuvem conta com três formatos principais. Na sequência, explicamos para você a diferença de cada um deles.

IaaS, PaaS e SaaS: você conhece a diferença?

IaaS, PaaS e SaaS, o que essas três siglas têm em comum? As três são divisões da tecnologia de cloud computing e estão a serviço do armazenamento de dados. Continue a leitura para saber mais:

Iaas

Infraestrutura como serviço é um sistema de nuvem oferecido para terceiros sob demanda. Dentro dele, são disponibilizados processamento ágil e memória, por meio de espaço de armazenamento que visa substituir o espaço físico.

Esse tipo de serviço possui um bom custo-benefício, não apenas por minimizar os gastos com espaços físicos direcionados ao armazenamento, como também por se tratar de um produto adquirido sob demanda.

Ou seja, a empresa define o tamanho da nuvem que julga necessário e negocia. Se com o tempo for preciso aumentá-la, basta estender o pacote.

PaaS

Já a plataforma como serviço possui um caráter mais completo, a partir do momento em que não oferece apenas o armazenamento de dados em nuvem.

Dentro dela, é possível encontrar um ambiente digital completo em que é possível gerenciar as informações retidas no sistema, além de desenvolver ferramentas para executar de forma adequada processos internos, podendo exportá-las.

SaaS

Se você tem uma clínica ou consultório que procura se estabelecer cada vez mais fortemente no mercado, ou até mesmo uma operadora de saúde visando expansão constante, o software como serviço é a ferramenta que mais se encaixa no seu negócio.

Ela é ideal para empresas da área da saúde porque é uma junção das duas divisões anteriores, portanto, muito mais completa. 

O SaaS oferece a infraestrutura de uma conexão em nuvem para terceiros, como a IaaS, oferecendo uma plataforma de fácil acesso remoto.

Com o compartilhamento dos dados de forma seletiva, todos os colaboradores de uma mesma empresa poderão trabalhar em processos simultâneos, de forma rápida e eficiente.

Os serviços de streaming são, hoje, o maior exemplo de SaaS, nos quais você acessa um acervo extenso e com facilidade, graças ao armazenamento em nuvem.

Já a Amplimed é o melhor exemplo de SaaS no mercado da saúde, um sistema controlado e seguro, que não expõe seus dados, compartilhando apenas o necessário, mas que permite acessar informações do paciente, como prontuários eletrônicos e documentos de qualquer lugar, a qualquer momento.

Benefícios do sistema em nuvem vs. sistema local

Continue a leitura e entenda melhor quais os benefícios que um sistema em nuvem, em comparação com o local, pode levar para sua clínica, consultório ou operadora de saúde:

Armazenamento em nuvem ou local | Amplimed

Fim da papelada

Os documentos que mais ocupam espaço físico em uma clínica são as centenas de prontuários armazenados.

Pode parecer um número exagerado à primeira vista, mas, desde que o Conselho Federal de Medicina (CFM) decretou, na Resolução 1.638/2002, a obrigatoriedade do armazenamento de prontuários por pelo menos 20 anos, esse número tornou-se realista.

Encontrar soluções melhores do que transformar uma sala da clínica em um grande arquivo se tornou uma espécie de plano de emergência da saúde, tirando o lugar de estantes e dando passagem a uma tela de computador que pode ser ligada em qualquer lugar. 

Redução de custos

Outra vantagem evidente de um sistema em nuvem é a redução de custos em relação aos softwares instalados em máquinas locais. Isso, principalmente, em relação à eficiência da manutenção e atualização, que podem ser feitas à distância.  

Além disso, como não é necessária a instalação, você pode ter acesso a sistemas desenvolvidos em diferentes lugares, optando por aquele que oferecer maior segurança e qualidade. 

É indispensável citarmos também que sistemas com armazenamento em nuvem oferecem suporte rápido quando necessário e possuem rotinas de atualização e backup que não comprometem a utilização diária.  

Por isso, todo processo de instalação e manutenção tem menos custos quando comparados com softwares tradicionais. 

O resultado é que você paga menos e seu investimento retorna em:

  • Aumento do número de atendimentos;
  • Maior qualidade do serviço prestado; 
  • Segurança de dados. 

Armazenamento em nuvem ou local | Amplimed

Segurança de dados

O sistema com armazenamento em nuvem possui monitoramento constante, em tempo real. Por isso, o número de erros e falhas é muito menor quando comparado aos softwares com servidor local. 

Além disso, os alocados em nuvem têm políticas de segurança completas para proteção das informações. Assim, evita-se perdas de dados, fraudes e quebra de sigilo.  

Um ponto importante é que todo o processamento de dados e disponibilização de informações é feito via internet, de forma remota. Esse procedimento evita invasões, já que cria diferentes camadas de verificação da identidade do usuário. Outra vantagem de segurança de um sistema em nuvem é a diversificação do local de armazenamento.

Enquanto em softwares locais todas as informações são armazenadas em um único servidor, sistemas com armazenamento em nuvem conseguem manter camadas de dados em servidores espalhados pelo mundo todo. 

A proteção dos dados é assegurada, ainda, pelo agendamento de backup diário. Assim, o sistema da sua clínica fica livre de Vírus, Spyware e outras ameaças virtuais. Mas você não precisa se preocupar, diferente do que ocorre com servidores locais, o sistema em nuvem continua funcionando durante o backup.

Leia mais: Segurança de dados: tenha um perfil para cada colaborador

Maior produtividade

Se você deseja maior produtividade, não tenha dúvidas: um sistema com armazenamento em nuvem vai ajudar. Afinal, ferramentas com essa funcionalidade apresentam tudo que você precisa em tela única, acessível a qualquer hora e de qualquer lugar. 

É evidente que profissionais da saúde valorizam praticidade e inovação para minimizar os desafios operacionais dos atendimentos. Por isso, as ferramentas utilizadas, além de prezar por redução de custos e segurança, devem aumentar a produtividade da clínica. 

Este aumento de produtividade é percebido quando um sistema com armazenamento em nuvem oferece automatização de tarefas e facilita os atendimentos com atalhos e padronizações.  

Leia também: Guia completo da secretária de clínica médica: dicas desde recrutamento até treinamentos

Um sistema médico em nuvem aumenta sua produtividade, porque possibilita verificação de informações e alterações a qualquer tempo. 

Assim, se você estiver em casa e for necessário verificar alguma informação sobre os pacientes ou sobre o fluxo de atendimentos na clínica, basta ter acesso à internet que você estará atualizado. 

Armazenamento em nuvem ou local | Amplimed

Suporte rápido e eficiente

Além de obter maior produtividade interna na sua clínica, você perceberá que o suporte técnico de um sistema com armazenamento em nuvem é muito eficiente. 

O sistema na nuvem facilita a interação entre você e a equipe de suporte por chat, telefone ou e-mail. Por isso, qualquer erro no sistema ou mesmo dúvidas quanto às funcionalidades podem ser reportadas ao suporte que, em minutos, resolverá para você. 

Além disso, o sistema na nuvem possui programação de atualizações automáticas. Você não precisará se preocupar com estes procedimentos. Afinal, eles são planejados pela equipe de desenvolvimento e são aplicados de forma automática no sistema.  

Assim como os backups, as atualizações ocorrem nos horários em que a clínica não estiver funcionando para evitar qualquer lentidão no carregamento das páginas. 

Como tudo é feito à distância e de forma automática, atualizações e backups não possuem custo adicional. Logo, seu sistema terá maior segurança e estará sempre acompanhando as inovações tecnológicas.

Prevenção de desastres e perdas

Sistemas com armazenamento em nuvem oferecem maior segurança contra desastres. A prevenção é feita com a utilização de servidores físicos em diferentes localidades. 

Diferente do que ocorre com um servidor instalado dentro da sua clínica, os sistemas em nuvem ocupam diferentes servidores ao redor do mundo, com cópias dos dados em tempo real.  

Por isso, a probabilidade de ocorrer um desastre que provoque a perda dos dados é praticamente inexistente. 

Por outro lado, as chances de perder dados em softwares instalados em um computador na sua clínica são altas. Para isso, basta uma queda brusca de energia ou algum líquido derramado sobre o servidor. As perdas, nesse caso, são irreparáveis. 

Backup diário e criptografia

Um sistema com armazenamento em nuvem oferece, como estratégia de segurança e atualização, dois diferenciais:

  • Backup diário;
  • Criptografia de dados.

Na prática, apenas um sistema na nuvem consegue ter backup diário sem prejudicar o funcionamento da clínica. Essa é uma estratégia de prevenção de perdas essencial para a segurança dos dados dos seus pacientes. 

Em um software instalado no computador local, o backup demanda maior tempo e, em geral, têm custos adicionais em cada execução.  

Com o backup diário à distância, o sistema em nuvem garante a disponibilidade total das informações armazenadas, com menor risco de apresentar instabilidades. 

Afinal, o backup pode ser programado para horários em que a clínica esteja fechada. 

Outra vantagem do backup diário é a constante atualização das informações. Por isso, se for necessário recuperar alguma informação do backup, seu banco de dados estará atualizado. 

Em backups semanais, por exemplo, a realidade é diferente. Em caso de recuperação, o sistema vai retornar a seu estado no último backup, que pode ter ocorrido há 7 dias. 

Tão importante quanto os backups diários, o sistema com armazenamento em nuvem também blinda os dados com a criptografia. 

Essa estratégia de segurança de dados é definida como um sistema de algoritmos matemáticos capaz de decodificar dados do usuário de modo que apenas o destinatário possa ler. 

Serve, portanto, para que a troca de informações seja protegida. Com a criptografia, os dados transferidos pela internet só podem ser acessados por um destinatário pré-definido.  

Assim, eles não podem ser capturados por um programa malware, por exemplo.

Adequação às normas da LGPD

Um sistema deve adaptar-se às tendências tecnológicas, mas, também, às inovações legislativas. Por isso, você precisa escolher aquele que respeite as diretrizes da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).  

Ela, que regulamenta uso, proteção e tratamento de dados pessoais no Brasil, garante penalidades significativas para quem não respeitar suas definições. 

A criptografia do sistema com armazenamento em nuvem é capaz de garantir a segurança das informações e dados coletados. Ainda, você pode usá-lo para realizar a gestão de todo esse material de acordo com a LGPD.

Por que escolher o software Amplimed

Se você chegou até aqui, já viu que o sistema com armazenamento em nuvem tem muitas vantagens em comparação com o local:

  • Fim das papeladas;
  • Redução de custos;
  • Segurança de dados;
  • Produtividade elevada;
  • Suporte técnico mais eficiente;
  • Prevenção de desastres e perdas;
  • Backup diário com criptografia;
  • Sistema adequado às normas LGPD.

É por essas vantagens que a opção de SaaS com armazenamento em nuvem para o cloud computing é a que leva melhores possibilidades para uma clínica em constante crescimento.

Melhor ainda é escolher um software líder de mercado, já bem estabelecido, com os recursos apontados acima e, ainda, muitos outros.

Alguns benefícios do sistema com armazenamento em nuvem da Amplimed são:

  • Sistema 100% em nuvem com certificado COMODO SSL — mesma segurança dos bancos;
  • Disponibilidade do sistema 24/7;
  • Data Center HIPAA, PCI, ISO Compliance;
  • Auditoria de usuários e controle de permissões;
  • Assinatura digital no padrão ICP-Brasil;
  • Todas as ferramentas estão dentro das normas do CFM e demais conselhos profissionais.

Você pode aproveitar e conferir na sua própria clínica. Conheça hoje mesmo a Amplimed e nosso sistema com armazenamento em nuvem:

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba novidades todas as semanas em seu e-mail

Posts relacionados

Conheça o sistema de gestão que auxilia no gerenciamento de sua clínica de ponta a ponta e descubra 9 formas práticas para diminuir custos.
Conheça os benefícios, os desafios, as principais integrações e muito mais sobre o prontuário eletrônico, suas funcionalidades e implementação.
Você sabe por que deve implementar um sistema de agendamento médico em sua clínica? Conheça 6 benefícios que podem convencê-lo.
Como medir o faturamento da clínica? Saiba como um sistema de gestão pode ajudar no controle financeiro do seu negócio de saúde.

Antes de falar com nosso time comercial,
nos informe:

Está buscando atendimento médico? Clique aqui

É paciente? Atenção!

Nosso sistema é exclusivo para gestão de clínicas, consultórios e operadoras de saúde. Se você precisa de atendimento, conheça nosso agendamento online e encontre os melhores profissionais.