Estamos em conformidade com as normas LGPD e a resolução CFM/2299 – saiba mais

Pesquisar

Receita oftalmológica digital: por que usar essa ferramenta?

A especialidade oftalmológica é uma das que mais demandam receitas para seus pacientes. Muitas vezes, esse processo é todo feito em papel, mas você sabia que a receita oftalmológica digital é muito superior em comparação à física?

Dentro da rotina de uma clínica oftalmológica não são feitos apenas atendimentos médicos, como também exames. Um exemplo é a dilatação da pupila, procedimento utilizado para analisar a situação dos olhos do paciente para que seja receitado o remédio e tratamento correto.

Por esses motivos, o dia a dia de um oftalmologista é bastante atarefado. Ao optar por preencher a receita oftalmológica de forma manual, é comum que essa atividade seja feita com pressa, visando não atrasar os demais atendimentos.

Sendo assim, é muito provável que o paciente, farmacêutico e profissional da ótica responsável por montar os óculos não entendam bem sua caligrafia.

Isso é algo extremamente comum na rotina de médicos de diferentes especialidades, mas o que pouca gente sabe é que o profissional da saúde que não escrever uma receita legível pode responder a um processo legal.

De acordo com o artigo 35 da Lei Federal n°5991 de 17 de dezembro de 1973 “somente será aviada a receita:

  1. que estiver escrita a tinta, em vernáculo, por extenso e de modo legível, observadas as nomenclaturas e o sistema de pesos e medidas oficiais; […]”

Sendo assim, é fundamental contar com a ajuda de ferramentas que automatizam o dia a dia de uma clínica oftalmológica. Para isso, você precisa pesquisar qual é o melhor sistema de gestão médica do mercado que tenha dentro de suas funcionalidades a receita oftalmológica digital.

Nesse texto, vamos falar tudo o que você precisa saber sobre o assunto, além de mostrar como essa funcionalidade pode trazer benefícios para a sua clínica, desde economia de papel até a satisfação dos pacientes. Confira!

O que é receita oftalmológica digital?

Você sabia que 43% dos brasileiros usaram a telemedicina durante a pandemia? É o que apontou uma pesquisa realizada pela Sinch, empresa especializada em comunicação em nuvem.

A telemedicina é uma das inovações tecnológicas que foram criadas para tornar o atendimento médico mais acessível, reduzir custos para as clínicas e agilizar o atendimento e tratamento dos pacientes usando informação e comunicação.

Junto com a telemedicina, também surgiram outras ferramentas para facilitar a rotina para consultas, exames e procedimentos, como o prontuário eletrônico, agenda médica online, e claro, a receita digital.

Também chamada de prescrição digital, a receita médica digital é um documento em formato eletrônico que pode ser emitido e acessado por meio de um sistema de gestão para médicos.

Um dos seus principais benefícios é que a ferramenta dispensa o uso de papel, ajudando a natureza e as finanças da sua clínica. Ela também pode ser integrada a prontuários eletrônicos e a assinatura digital.

Dessa forma, quando o oftalmologista receber os exames do seu paciente, poderá emitir a receita oftalmológica digital usando um aparelho conectado a internet para acessar o sistema de gestão.

Assim que o documento for emitido e enviado para o paciente, a cópia do médico ficará armazenada em nuvem com segurança e fácil acesso. Caso seja necessário conferir o documento no futuro, o médico pode encontrar o arquivo facilmente.

A receita oftalmológica digital está legalizada?

O uso da receita oftalmológica digital é permitido e assegurado pela Lei Brasileira, pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), pelo Conselho Federal de Odontologia (CFO) e também pelo Ministério da Saúde.

Mas, é preciso estar atento a algumas condições presentes na legislação. A receita médica deve ser prescrita por um oftalmologista. Sendo assim, o documento não pode ser emitido por oculistas, optometristas, ortópticos, ou qualquer outro profissional da saúde que não seja de fato um oftalmologista.

Também não é permitido receitar alguns medicamentos específicos. Entre os medicamentos que podem ser receitados na receita oftalmológica digital estão antimicrobianos, ansiolíticos, antidepressivos, anticonvulsivantes, antipsicóticos e controladores de hormônios.

Quais são as vantagens de trabalhar com a receita oftalmológica digital?

O médico responsável pelo atendimento pode emitir a receita oftalmológica digital utilizando qualquer aparelho conectado a internet. Isso significa que ele pode fazer isso de qualquer lugar, desde que tenha uma assinatura digital validada para que a prescrição digital sirva como documento legal.

Se o sistema de gestão que você escolher tiver integração com o Memed, como é o caso do Amplimed, a receita oftalmológica digital pode ser compartilhada com farmácias. Essa funcionalidade aumenta as chances de sucesso na recomendação do tratamento médico para cada um de seus pacientes.

Além disso, o documento digital evita a emissão e circulação de receitas médicas falsas. Esse é um problema muito grave, pois facilita a automedicação, que pode levar a graves problemas de saúde ou piora no quadro do paciente.

Com isso, podemos perceber o quanto a receita oftalmológica digital oferece mais segurança para a equipe médica e também para os pacientes.

Outra questão envolvendo a receita médica era o receio dos profissionais da saúde de receitarem medicamentos e substâncias controladas por medo de farmacêuticos e pacientes não compreenderem muito bem a caligrafia, impactando o remédio a ser tomado e a forma de tratamento.

Além disso, muitos pacientes acabam esquecendo de quando devem tomar determinado medicamento e por quanto tempo devem fazer isso, mesmo prestando muita atenção na explicação do médico.

A receita oftalmológica digital tem um impacto positivo nesse sentido, pois por ser impressa ou digitada em formato digital, está legível e pode ser conferida a qualquer hora.

Para aqueles que querem ter mais otimização na rotina profissional e da clínica como um todo, apostar na receita digital é uma boa opção. A ferramenta online apresenta usabilidade simples e torna o atendimento mais produtivo. Dessa forma, o médico consegue preencher as lacunas do documento com mais facilidade e rapidez do que faria se estivesse escrevendo a próprio punho.

Sendo assim, podemos destacar que as principais vantagens em ter um sistema de gestão médico com receita oftalmológica digital são:

  • Sustentabilidade
  • Praticidade
  • Redução de custos
  • Segurança
  • Integração com a Telemedicina

Como aliar a receita oftalmológica digital com a telemedicina?

O avanço da tecnologia voltada para a área da saúde fez com que diversas inovações fossem criadas. Entre elas está a telemedicina. Ela permite que profissionais da saúde realizem atendimentos médicos virtuais integrados ao prontuário eletrônico e muitas outras ferramentas capazes de otimizar a consulta.

Uma das modalidades da telemedicina são as teleconsultas, atendimentos médicos feitos digitalmente, onde profissional da saúde e paciente estão conectados por meio de uma chamada de vídeo, como aquela disponibilizada pelo sistema Amplimed.

Hoje em dia, muitos médicos usam a teleconsulta como uma ferramenta complementar ao atendimento presencial. No caso dos oftalmologistas, por exemplo, não é possível realizar alguns exames comuns nas consultas oftalmológicas usando a telemedicina.

Por isso, esses profissionais usam a telemedicina para orientar aqueles que já são pacientes da clínica, mas que estão com alguma dúvida em relação ao tratamento ou estão sofrendo algum sintoma ou efeito colateral fora do comum devido a algum medicamento receitado.

Mas então, onde está a relação entre receita oftalmológica digital e a telemedicina?

Em alguns casos, como o mencionado acima, por exemplo, a situação do paciente pode melhorar fazendo uma simples troca na medicação ou no tratamento. Nesse cenário, o médico pode visitar o prontuário do paciente para analisar a situação.

Se o profissional perceber que é realmente necessário receitar outra medicação, basta criar uma nova receita oftalmológica digital detalhando o novo tratamento e enviar o documento para o paciente por SMS, e-mail ou WhatsApp.

Sendo assim, mesmo que o paciente esteja localizado a quilômetros de distância da sua clínica, ele ainda poderá entrar em contato com você e continuar o tratamento. 

A junção dessas duas funcionalidades fazem com que o paciente se sinta mais próximo e seguro em relação ao atendimento prestado por você e pela sua clínica, melhorando assim, a qualidade das consultas e satisfação dos pacientes

É importante lembrar que é papel do médico avaliar a situação caso a caso e solicitar que o paciente visite a clínica presencialmente, caso a situação seja mais grave e não possa ser resolvida em uma teleconsulta.

Amplimed: o sistema de gestão médica que integra receita oftalmológica, prontuário eletrônico e plataforma de telemedicina

Hoje, tiramos todas as suas dúvidas sobre receita oftalmológica digital e explicamos como ela é uma ferramenta importante para o seu negócio, capaz de trazer diversas vantagens competitivas para a clínica.

Porém, para aqueles que querem resultados ainda maiores, a otimização da clínica pode ser aperfeiçoada caso a ferramenta esteja integrada com outras funcionalidades importantes dentro de um sistema de gestão médica.

Por isso, é essencial pesquisar para encontrar o melhor sistema de gestão para a sua clínica. Alguns pontos fundamentais e que não podem faltar dentro de um bom software são:

  • Receita oftalmológica digital
  • Agenda médica online
  • Assinatura digital
  • Prontuário eletrônico
  • Plataforma de telemedicina
  • E outras funcionalidades que estejam de acordo com as necessidades da sua clínica

Usando um sistema de gestão que atenda todos esses pré-requisitos, sua clínica oftalmológica irá melhorar a qualidade dos atendimentos, reduzir gastos e aumentar a produtividade da equipe.

Quer testar gratuitamente por 10 dias um sistema que tenha as melhores funcionalidades do mercado? Preencha o formulário abaixo e veja a diferença que o Amplimed pode fazer no seu negócio!

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba novidades todas as semanas em seu e-mail

Posts relacionados

Conheça o sistema de gestão que auxilia no gerenciamento de sua clínica de ponta a ponta e descubra 9 formas práticas para diminuir custos.
Conheça os benefícios, os desafios, as principais integrações e muito mais sobre o prontuário eletrônico, suas funcionalidades e implementação.
Você sabe por que deve implementar um sistema de agendamento médico em sua clínica? Conheça 6 benefícios que podem convencê-lo.
Como medir o faturamento da clínica? Saiba como um sistema de gestão pode ajudar no controle financeiro do seu negócio de saúde.

Antes de falar com nosso time comercial,
nos informe:

Está buscando atendimento médico? Clique aqui

É paciente? Atenção!

Nosso sistema é exclusivo para gestão de clínicas, consultórios e operadoras de saúde. Se você precisa de atendimento, conheça nosso agendamento online e encontre os melhores profissionais.