Estamos em conformidade com as normas LGPD e a resolução CFM/2299 – saiba mais

Saiba mais sobre atendimento digital para covid e pós covid

Atendimento digital pós covid

Compartilhe esse artigo em suas redes

Pop up de notícias sobre a CFM, regulamentação da Telemedicina no Brasil

O atendimento digital é uma possibilidade que foi trazida pelo avanço tecnológico na área da saúde. O que antes existia apenas uma forma de fazer e exigia muitos encontros presenciais, o desenvolvimento de novas técnicas mostrou que há outros caminhos a serem percorridos e explorados.

Nesse texto você vai saber como o pronto atendimento digital pode ser benéfico para sua clínica médica.

O que é pronto atendimento digital?

O nome acaba sendo bem sugestivo. Pronto atendimento é aquele formato tradicional, praticado há décadas na medicina, em que uma pessoa precisa de atendimento rápido. Esse modelo acontece muito em centros hospitalares, sejam eles de convênio, públicos ou particulares.

A diferença desse modelo é que nesse texto vamos falar desse tipo de atendimento, mas no formato digital. Isto é, a pessoa consegue ser atendida por um médico dentro da própria casa dela e por meio de uma videochamada na tela, que pode ser de um computador ou de um celular.

Melhor dizendo: o pronto atendimento digital faz conexões entre a sua equipe de médicos com os pacientes que o consultório atende a partir da utilização da tecnologia e sem a necessidade de muita mobilidade e logísticas de transportes físicos.

É algo muito similar à telemedicina. Para refrescar a memória, a telemedicina foi regulamentada em 15 de abril de 2020, por meio da lei nº13.989 promulgada pela presidência brasileira. Esse fato aconteceu devido uma demanda populacional na área da saúde a partir da explosão da pandemia da covid-19.

Junto com as infecções através do coronavírus, veio também a necessidade de isolamento social. Muitos atendimentos médicos foram cancelados ou remarcados na tentativa de diminuir o contágio, sobretudo enquanto a corrida pela vacina ainda estava nas fases iniciais.

A telemedicina foi uma maneira de controlar os casos de covid e ter encontros entre médicos e pacientes a distância, para que instruções fossem repassadas, exames fossem solicitados e documentos como atestados médicos fossem feitos. A legislação foi feita de maneira rápida e emergencial, habilitando esse atendimento digital somente para casos de covid-19.

O Conselho Federal de Medicina regulamentou a prática anos mais tarde, em 20 de abril de 2022, por meio da resolução nº 2.314, definindo a telemedicina como prática definitiva, não estando mais integralmente interligada com a covid-19.

Com a publicação dessa nova resolução, agora os médicos podem atender – de forma regularizada – primeiros pacientes no formato de telemedicina e também expandirem as consultas por outros territórios. Independentemente de serem pacientes portadores do coronavírus ou não. Qualquer doença pode se enquadrar nos atendimentos digitais agora.

Como o leque de atendimento expandiu, os atendimentos aumentaram. Junto com isso veio a necessidade da publicação de algumas diretrizes. Foi aí então que a Associação de Empresas de Telemedicina e Saúde Digital ganhou mais espaço entre as instituições de saúde que já eram mais conhecidas. O órgão, inclusive, fez um levantamento mostrando que os atendimentos médicos remotos tiveram um índice de resolutividade de 91%.

É com essa recente ferramenta que o pronto atendimento digital se estabelece no mercado e cria um novo modelo de atendimento aos cidadãos brasileiros.

Com o pronto atendimento digital, o paciente vai receber receitas médicas, indicações de medicamentos, atestados médicos, encaminhamentos para especialistas, pedidos de exames e procedimentos sem sair de casa.

O acesso a toda essa documentação pode ser feita por meio de e-mail, SMS ou pelo aplicativo WhatsApp.

Os principais hospitais de ponta já estão adeptos a esta sistemática. Como por exemplo o Hospital Sírio-Libanês, A.C.Camargo e a Beneficência Portuguesa de São Paulo.

Quais são os benefícios?

O pronto atendimento digital para covid beneficia não apenas quem relata os sintomas da doença, como também a população em geral.

Já que é um quadro que demanda isolamento para um bom controle de sua disseminação, realizar o atendimento do conforto do seu lar é a melhor opção. Alguns dos maiores benefícios apresentados estão listados abaixo.

Atendimento digital pós covidDiminuição de locomoção

O pronto atendimento digital ocorre de uma maneira muito similar aos atendimentos presenciais, mas acaba sendo mais otimizado por dispensar filas de espera e salas de recepção lotadas.

Liberação dos atendimentos de urgência

É importante separar o atendimento de urgência do pronto atendimento. Locais físicos de atendimento de urgência e emergência servem para pessoas que, inesperadamente, tiveram algum sintoma grave.

E isso pode acontecer de diversas formas: pode ser sintomas muito fortes de doenças que ainda não foram descobertas pelo paciente, como fortes dores no rim devido às pedras ou acidentes automobilísticos, domésticos ou trabalhistas, como cortes ou perdas de membros.

Centros de urgência deveriam ser apenas para isso. Ocorre que esses locais são de fácil acesso. Então quando uma pessoa sente sintomas que são desconfortáveis, mas que não necessariamente são urgentes, vão ao mesmo local para buscar tratamento.

O pronto atendimento digital serve como um benefício e melhora essas situações. Isso porque pessoas que precisam de atendimento instantâneo podem fazer isso da própria casa ou do próprio trabalho, recebendo orientações de condutas e medicamentos a serem utilizados para tratamento da doença nesse primeiro momento.

Continue lendo o texto para saber em quais casos o pronto atendimento digital pode ser extremamente útil tanto para o paciente quanto para a clínica.

Ampliação de atendimento

Além de poder captar pacientes de outros estados ou até de outros países, também dá para atender a parte doméstica e empresarial.

As empresas dos mais variados segmentos precisam oferecer benefícios de saúde aos colaboradores, seja por meio de lei ou como forma de benefício espontâneo. Então a sua clínica, ao invés de cuidar somente de CPFs, pode começar a oferecer serviços e produtos para os funcionários de instituições.

Redução de custos

Redução de custos no atendimento digital

Pensando também no ponto de vista da sustentabilidade financeira de um empreendimento no ramo da saúde, há muita economia de despesas ao trocar determinados atendimentos presenciais por atendimentos digitais. Reduzindo custos com materiais, contratação de funcionários para recepção e armazenamentos de documentação em espaços físicos, como o setor de arquivo.

Em quais casos o pronto atendimento digital pode ser usado?

Como mencionado anteriormente, a covid-19 foi a doença responsável por promover e acelerar o uso da telemedicina.

Com as ferramentas do pronto atendimento digital fica ainda mais vantajoso para casos de covid-19. O avanço da vacinação em toda a população brasileira, quem ainda contrai covid costuma ter sintomas mais leves e mais amenos do que no início da pandemia, quando milhares de pessoas chegavam até a ficar internadas com sintomas graves.

Esses sintomas mais brandos podem ser facilmente contornados e resolvidos com medicações administradas pelo paciente e na própria casa dele. Dessa forma, não é necessário ir até um centro hospitalar para pedir essas orientações. É mais vantajoso fazer um pronto atendimento digital e conversar com um médico.

Assim o paciente elimina as chances de contrair novas doenças do ambiente hospitalar, uma vez que já está em situação vulnerável por conta do coronavírus e também deixa de ser uma ameaça de contaminação aos demais pacientes que estão nas emergências tratando outros tipos de problemas de saúde.

Ainda que seja um caso mais grave, é interessante o paciente ser incentivado pelas instituições clínicas a primeiro acessar a plataforma de pronto atendimento digital e contar os sintomas e a persistência deles. Dessa forma, um profissional qualificado vai conseguir julgar se é necessário ir até uma unidade de atendimento emergencial ou se ainda não é o momento.

Ainda falando sobre covid-19, os cientistas já descobriram que algumas sequelas podem ser carregadas pelo paciente, mesmo quando o vírus não fizer mais parte do sistema humano.

Não existe uma regra e um manual infalível de conduta para sintomas pós-covid. O que sabemos é que cada pessoa tem reagido de uma forma e apresentado falhas em sistemas diversos do corpo humano. Dependendo muito de ambientes que já estavam mais sensíveis ou até mesmo de pré-disposições genéticas.

Portanto, a investigação deve acontecer de forma individual e única, pois o pós-covid pode se apresentar de forma diferente para cada paciente.

Esse momento de pesquisa, pedidos e checagem de resultados de exames também pode ser feito em formato de pronto atendimento digital. Auxiliando na otimização de partes mais burocráticas do processo e garantindo uma rápida e eficaz descoberta de novas enfermidades geradas pela covid-19.

O interessante do pronto-atendimento digital é que ele pode ajudar e muito nos casos de covid e demais doenças contagiosas, como gripe e influenza, mas se estende a mais doenças e transtornos.

Para questões psicológicas e psiquiátricas, o pronto atendimento digital pode servir para pessoas que estão enfrentando crises momentâneas e não sabem o que fazer naquele exato momento.

Ter profissionais disponíveis para o pronto atendimento digital é garantir o rápido auxílio a esses pacientes, eliminando a necessidade de ir até uma unidade de atendimento. Essa economia de transporte vai ajudar a reduzir a crise mais rápido do que acontecia antigamente.

O pronto atendimento digital também pode ser usado em datas sazonais, como o outubro rosa que visa prevenir o câncer de mama, o novembro azul que trabalha a conscientização da saúde do homem e o câncer de próstata e o setembro amarelo que foca na prevenção do suicídio.

Ou seja, é uma ferramenta que pode ser usada em todas as épocas do ano, ainda que de forma corriqueira nas doenças comuns do dia a dia ou em campanhas de marketing que visam a atenção e prevenção à saúde em diversos aspectos do corpo humano.

Como a Amplimed pode ajudar?

A Amplimed é um sistema de saúde que pode suprir diversas necessidades tanto dos pacientes, quanto dos médicos e dos gestores de clínicas.

Para o tema que está sendo tratado de forma específica nesse texto, a Amplimed conta com uma funcionalidade dedicada ao pronto atendimento digital.

Dessa forma, as clínicas, os centros hospitalares e as operadoras de plano de saúde conseguem evitar a lotação e aglomeração de pacientes em unidades de atendimento de urgência.

Deixando nesses locais apenas as pessoas que realmente precisam dessa estrutura hospitalar para conseguir aliviar os sintomas ou então as que estão correndo risco de morte, sobretudo no que diz respeito aos casos de coronavírus.

O funcionamento é simples e intuitivo, é como a telemedicina que os profissionais médicos já conhecem e já estão habilitados para atender. 

O paciente solicita uma consulta por meio do celular. Nesse mesmo momento é feita uma triagem perguntando dos sintomas mais agudos e se há exames que podem ser úteis ao atendimento. Depois disso, o médico avalia o que foi enviado pelo paciente e inicia a consulta.

Usar o pronto atendimento digital não implica em manter as estruturas da sua clínica como é hoje. Você não precisa parar de atender pacientes de forma presencial. Tudo pode continuar como está.

Ao utilizar o sistema da Amplimed para atendimento digital, você estará expandindo as linhas e possibilidades de atuação de toda a sua equipe. A consequência é o oferecimento de melhores serviços e produtos à população, bem como o aumento de faturamento mensal.

Você consegue trazer essa inovação para sua clínica médica hoje mesmo! Preencha os dados abaixo e comece o teste gratuito da plataforma da Amplimed agora mesmo!

Além da ferramenta de pronto atendimento digital, você também terá acesso a:

  • Agendamento online
  • Confirmação de consulta por meio de e-mail, sms ou whatsapp
  • Módulo financeiro
  • Faturamento TISS
  • Teleconsulta integrada ao prontuário eletrônico
  • Prontuário eletrônico de tela única e com módulo por especialidades
  • Segurança e certificação digital
  • Armazenamento 100% na nuvem

Compartilhar em:

Olá amigo(a), conheça o software Amplimed, feito por médicos, com a intenção de contribuir com o ecossistema da saúde de forma digital.
Doutor marcos andré
Marcos. A. Sonagli
Ortopedista
5/5
"A Amplimed é uma empresa séria e competente, presta um serviço de referência no atendimento e suporte ao cliente. O sistema é de fácil manuseio, oferece suporte instantâneo, possui múltiplas funções que facilitam a organização da sua clínica."
Que tal testar grátis o sistema Amplimed?